Campeonato Brasileiro Série B 2019: quem serão os rebaixados?

 

De 26 de abril até o dia 30 de novembro será disputada mais uma edição do Campeonato Brasileiro da Série B.

E após 38 rodadas vamos saber quem será o campeão, os quatro que irão subir para o Brasileiro da Série A,  além dos quatro times que serão rebaixados para a Série C em 2020.

Em 2018 os quatro rebaixados foram o Paysandu, o Sampaio Corrêa, o Juventude e o Boa Esporte.

Primeiro time fora da zona de rebaixamento, o Oeste-SP terminou a competição na 16ª posição, com 46 pontos. Uma ano antes, em 2017, o Guarani foi o primeiro time fora da zona de rebaixamento, com 44 pontos.

Já em 2016, novamente aparece o Oeste, que conseguiu se safar com apenas 41 pontos nos 38 jogos disputados.

Disputa que deixa qualquer torcedor a beira dos nervos, aqui selecionamos os seis principais times que acreditamos serem os favoritos nessa briga para não serem rebaixados ao Brasileiro da Série C no próximo ano.

Favoritos para serem rebaixados

. Brasil de Pelotas-RS

O time entra na competição como um dos favoritos para ser rebaixado à Série C do Brasileiro.

Não fizeram um Estadual bom no Rio Grande do Sul, quase caíram de divisão, e o sinal de alerta está ligado desde o início da Série B.

Sob o comando de Roberto Zimemermann, e um elenco sem jogadores reconhecidos, precisarão de muita força para se manter em um torneio tão longo.

. CRB-AL

Com Marcelo Chamusca no comando, a temporada do CRB é irregular neste ano de 2019.

Vice-campeão estadual, perdeu para o grande rival CSA, e foi colocado como objetivo principal para este ano, se manter na Série B.

A grande vantagem do time são as partidas em casa, onde o time tem que se aproveitar pelo clima e a distância que os clubes tem de percorrer para disputar a partida.

Lógica que é a mesma quando o clube vai atuar fora de casa. Com elenco curto não podem pensar em vôos maiores. 

O capitão do time é o experiente zagueiro Victor Ramos.

. Cuiabá-MT

É um dos favoritos para estar entre os quatro rebaixados.

O time volta a Série B após ficar com a segunda colocação da Série C em 2018.

Eliminado facilmente pelo Botafogo-RJ por 3×0 na segunda fase da Copa do Brasil, as dificuldades serão ainda maiores no Brasileiro da Série B.

Com um time de pouca experiência no cenário nacional, Itamar Schulle pode buscar surpreender os adversários neste início de competição, pela falta de informações sobre o seu time.

. Guarani

Nono lugar na edição de 2018, o Bugre já viveu grande momentos e revelou grandes jogadores para o futebol brasileiro e mundial.

No Paulista desse ano não fez uma campanha esperada, mas se manteve na primeira divisão. Neste início de Série B entra para não ser um dos rebaixados.

Com um elenco jovem, conta e aposta no técnico Vinícius Eutrópio para fazer uma campanha que honre as tradições e a história do clube.

. Oeste-SP

A equipe do interior paulista quase foi rebaixada no ano de 2018, quando terminou na 16ª posição, após quase conseguir o acesso em 2017.

Com Renan Freitas no comando, o Oeste tem experientes jogadores no elenco como o lateral-direito Cicinho, e o meia atacante Mazinho, que foi contratado pelo Palmeiras conhecido como “Messi Black”.

O Oeste inicia a competição sob o fantasma do rebaixamento.

. Operário-PR

Campeão da Série C em 2018, o Operário chega à segunda divisão para, primeiramente, pensar em se manter.

Treinado por Gerson Gusmão desde o ano de 2016, é um elenco com atletas pouco conhecidos, que deverá tirar muita força para conseguir permanecer na Série B.

 

FOTO CRÉDITO: FACEBOOK.COM/GUARANI.FC.OFICIAL

Notícias mais recentes